Instituto Desiderata integra movimento União Rio contra o coronavírus

Neste momento de pandemia, o Instituto Desiderata se juntou a outros atores da sociedade civil no movimento União Rio, que reúne esforços e recursos para fortalecer a saúde pública do Rio de Janeiro e enfrentar os desafios trazidos pelo novo coronavírus.

O Desiderata faz parte do núcleo de saúde do grupo, que é integrado também pelo Ieps e por gestores e médicos voluntários. O núcleo é responsável pela articulação com os governos estaduais e municipais para decidir de que maneira os recursos serão aplicados.

O movimento reúne organizações sem fins lucrativos e empresários e está focado em três frentes: ativação de leitos de UTI em hospitais voltados para o atendimento de casos graves da doença, aquisição de equipamentos de proteção individual (EPIs) para os profissionais da saúde e apoio a comunidades, com distribuição de alimentos e produtos de higiene e limpeza.

“A pandemia traz uma série de desafios que só serão superados em conjunto com organizações e pessoas, e seguindo as orientações de cientistas e setor público da saúde. O Desiderata faz parte do União Rio para fazer essa ponte entre a sociedade civil e as reais necessidades do setor público de saúde nesse momento”, explica a diretora executiva do Instituto Desiderata, Roberta Costa Marques.

Ao longo de nossos 16 anos de atuação, fortalecer o sistema público de saúde sempre foi principal estratégia do instituto e, neste momento de crise, não poderia ser diferente. Você também pode fazer parte deste movimento apoiando nossa campanha de financiamento coletivo: benfeitoria.com/uniaorio Contamos com o seu apoio!