Desiderata na NCD Alliance

Rio de Janeiro, 13 de junho de 2019 – O Instituto Desiderata, que há 15 anos desenvolve soluções de saúde pública para crianças e adolescentes no Rio de Janeiro, acaba de entrar para a aliança internacional que reúne organizações de mais de 170 países para desenvolver, trocar conhecimentos e implementar ações de prevenção e controle de Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNTs).

“Para nós, entrar para a NCD Alliance representa um reforço internacional de nosso novo posicionamento estratégico: atuar na prevenção, diagnóstico e tratamento das DCNTs na infância e adolescência”, afirma a diretora Executiva do Desiderata, Roberta Costa Marques. “Vamos ampliar a discussão deste tema com atores globais e fortalecer nossas ações locais a partir de experiências internacionais, contribuindo ainda mais para a saúde pública no Rio de Janeiro”, diz.

A NCD Alliance lidera e coordena esforços globais para manter o tema das DCNTs como prioridade na agenda dos mais diversos países, estimulando ações de advocacy (política e promoção da causa) e accountability (transparência) entre seus membros. “As DCNT são consideradas um problema de saúde pública no mundo por serem a principal causa de morte – cerca de 70% ou 41 milhões de pessoas por ano – e de incapacidade prematura. Por isso é um importante ponto de atenção no cuidado com a saúde de crianças e adolescentes”, afirma a gerente de Saúde do Desiderata, Laurenice Pires. “A prevenção desde cedo é fundamental para o desenvolvimento de adultos saudáveis”, explica.

Instituto Desiderata acredita na importância de alianças estratégicas formadas nacional e internacionalmente para a solução de problemas complexos, como a saúde pública infantojuvenil. Para isso, estabeleceu parcerias com as principais instituições internacionais na área. Para conhecer mais sobre nossas redes estratégicas, acesse https://desiderata.org.br/redes-estrategicas/

Sobre o Desiderata

O Instituto Desiderata, fundado há 15 anos no Rio de Janeiro, constrói uma história inovadora de atuação conjunta com gestores públicos e organizações buscando soluções que garantam a prevenção, diagnóstico e cuidado tempestivos para a saúde de crianças e adolescentes. Realiza ações de mobilização, capacitação de profissionais de saúde, humanização do tratamento e produção e disseminação de conhecimento na área. Desde seu início, trabalha para mudar a realidade do câncer infantojuvenil no Rio de Janeiro. Em 2019, amplia sua atuação para outras doenças crônicas não transmissíveis e fatores de risco, como a obesidade infantil.