Cursos de Qualificação em Saúde da Criança e do Adolescente – EAD

Conheça nossos cursos gratuitos sobre Cuidados Relacionados à Obesidade e Diagnóstico Precoce do Câncer em crianças e adolescentes, voltados para profissionais da Atenção Primária à Saúde

Desde 2007, o Instituto Desiderata tem como um de seus eixos de atuação a formação de profissionais de Atenção Primária à Saúde, em que capacitamos mais de 4300 profissionais para a identificação dos sinais e sintomas do câncer em crianças e adolescentes. 

Em 2021, iniciamos um novo projeto de capacitação, por meio da modalidade de ensino à distância (EAD), com a oferta de dois cursos gratuitos: Diagnóstico Precoce do Câncer Infantojuvenil e Cuidados relacionados à obesidade em crianças e adolescentes.  

O objetivo do projeto é ofertar neste ano de 2022, 4485 vagas para os profissionais de saúde que atuem na APS dos 92 municípios do estado do Rio de Janeiro. Os profissionais que já concluíram os cursos atribuíram 9,6 como a nota média quando foram questionados se recomendariam os cursos para outros profissionais da saúde. 

Acesse nosso relatório completo com os resultados do primeiro ano dos cursos EAD 

O curso Diagnóstico Precoce do câncer infantojuvenil aborda aspectos fundamentais para estimular o diagnóstico precoce e oportuno, aumentando as chances de cura de crianças e adolescentes. A formação aborda sete temas, com carga horária total de 15 horas, que devem ser cumpridas em um prazo de até 30 dias. 

O Cuidados Relacionados à Obesidade em Crianças e Adolescentes aborda a obesidade como uma questão de saúde pública, e está focado em sensibilizar os profissionais de saúde a subsidiar as ações para um cuidado integral. A formação aborda 4 temas, com carga horária total de 10 horas, que podem ser concluídas em até 30 dias. 

Ao longo de 2022, os cursos EAD seguirão com inscrições abertas tanto para formação de turmas com profissionais indicados pelas gestões municipais, quanto para livre demanda de profissionais da rede e, no primeiro semestre deste ano, está previsto o início de um novo curso sobre o cuidado multiprofissional na Atenção Primária à Saúde para o manejo da obesidade infantojuvenil.